• Frontur

Glamping: uma proposta de hospedagem diferenciada!

Atualizado: Fev 25


Para você que gosta de acampar, mas também não abre mão do conforto e luxo de um hotel, essa é uma ótima opção.


O termo glamping surgiu da junção de duas palavras, “glamour” e “camping”, conceito que iniciou na África e passou a ser adotada e aprimorada pelos Estados Unidos e pela Europa, até que se espalhou pelo mundo inteiro, sendo muito conhecido e procurado no Brasil.


Existem diversas formas de desfrutar dessa modalidade de acomodação e hospedagem, porém existem seis que ganham destaque nas terras brasileiras.

Vamos conhecer um pouco de cada uma delas?


Anavilhanas Jungle Lodge – Novo Airão, Amazonas

Por ser uma das paisagens mais bonitas do país, o local escolhido para esse hotel é fantástico.

Quer saber o melhor? Você não precisa se preocupar com os mosquitos, porque o Anavilhanas fica à beira do Rio Negro, devido a acidez das águas, eles acabam sendo repelidos, de forma a não ficarem concentrados perto dos hóspedes.

Com um total de 22 quartos, divididos em 16 chalés, 4 bangalôs e 2 panorâmicos, as acomodações são completas. Já os bangalôs que ficam imersos na mata possuem um extra, que são as paredes de vidro.


Glamping Mangarito – Iporanga, São Paulo

O Glamping fica dentro do Parque Estadual Turístico do Alto Ribeira, com bangalôs suspensos cerca de 1,5 metro e decorações artísticas nos quartos.


Com estrutura feita de madeira, rochas e vidros que aumentam a sensação de estar pertinho da natureza.

Com Spa, piscinas naturais e hidromassagem, é fácil se sentir confortável.


Jalapão Eco Lodge – Jalapão, Tocantins

O Jalapão Eco Lodge, dentro do Parque Estadual do Jalapão e em meio ao cerrado brasileiro, é indicado para a hospedagem de um casal ou família com até cinco pessoas.


Tendo vista panorâmica para a Serra do Jalapão, as cabanas são construídas de bambu, pindaíba, taboca e palha de piaçava, por meio de técnicas de permacultura e mão-de-obra local.


Parador Casa da Montanha - Cambará do Sul, Rio Grande do Sul

Ideal para quem gosta de montanhas, o Parador Casa da Montanha fica localizado em uma fazenda próxima ao Parque Nacional de Aparados da Serra e ao Cânion Itambezinho.

São 19 barracas térmicas de luxo com vista para os vales dos Campos de Cima da Serra, tendo três opções: luxo, suíte e suíte luxo.

Na área comum aos hóspedes há sala de estar com lareira, bar, mesa de bilhar e sala de jogos.


Cachoeira dos Borges - Mampituba, Rio Grande do Sul

Entorno do Parque Nacional Aparados da Serra, a paisagem do vale de picos com basalto aparente, mata Atlântica, cachoeira e piscinas naturais é um ótimo exemplo do que compõe o cenário glamping.


O local conta com seis cabanas, com claraboia, o que permite ao hóspede apreciar o céu estrelado à noite.

Todas as refeições do hotel são feitas de forma caseira, seguindo a sintonia do clima da região.


Rancho do Peixe - Cruz, Ceará

E não é só no campo e na selva!


Aqui encontramos um glamping na Praia do Preá, com uma proposta de ligação forte com a natureza, de forma a não ter ar-condicionado e nem televisão.


São 26 bangalôs pé na areia, com varanda, espreguiçadeiras, frigobar, internet e ventilador de teto.


E você, qual estilo de glamping combina mais com seu perfil?

0 comentário